sábado, 7 de novembro de 2009

Uma vista pela mudança

Possivelmente daqui a uma semana já estarei numa casa diferente no Porto, ou melhor, em Gaia. A casa será apenas para mim e para a Luna, é super ampla, tem dois quartos (um denominado "de arrumos"), uma sala enorme que não sei como vou ocupar, uma cozinha moderna e equipada o suficiente. Varandas da parte da frente e de trás e uma garagem suficientemente grande para meter o meu FS (já agora, o FS já foi ao senhor Dr. e já não tem as mazelas que algum paspalho lhe fez. Está curadinho e lindo como sempre!). Ainda não tenho muita coisa para colocar na casa, apenas o essencial, mas já tenho quinhentas mil ideias para a casa ficar ao meu gosto. E a magia também reside aí, não é?

Quem me conhece, sabe, vai ter cores q.b. e objectos "com a minha cara". Mas preciso de tempo (sou uma workaholic na realidade, e é como me sinto bem) e dinheiro também. E gostar do que vejo ou de outra forma não me vou sentir bem. Não me sinto ansiosa por ir para uma casa sozinha nem assustada, aliás acho que não sinto nada. Estou bem mais preocupada com a imobiliária que pode não cumprir com aquilo que prometeu. As coisas comigo são sempre uma confusão. You know what I mean... Já não tenho medo das mudanças, do que pode vir de errado com as mudanças que impomos a nós próprios, ou que nos impõem. Já me deram uma das machadas da vida, estou só à espera da próxima...!

Obviamente quando precisarem de ir ao Porto, apitem, tenho uma cama à vossa espera. Só não estejam à espera que eu faça grandes petiscos, que de cozinheira não tenho nada. Mas estão convidados para festinhas, risadas, conversas apenas que por serem apenas conversas mas que nos sabem tão bem. Por mim fazia um convite a cada uma das pessoas importantes e marcava um dia para irem la, ou vários dias... um por mês para não se cansarem de mim. Mesmo assim, prefiro fazer aqui o convite e quem quiser, já sabe... Talvez daqui a uns meses, no S. João! Ah sim, porque da minha varanda tenho uma vista previlegiada para o fogo-de-artificío, já para não falar do Red Bul Air Race...

As vistas para o Porto são mesmo fenomenais. E à noite completamente apaixonantes! Prometo que na primeira noite que passar na casa tiro uma foto e a publico, e vos convenço a ir visitar-me. Só pela vista que nos prova de que tudo é possível na vida. Mesmo tudo! Com trabalho, preserverança, e... destino!

Sem comentários: