Relembrei tudo... outra vez!

Andava bem, pensando em ti diariamente mas sem mágoas, sabendo viver com as saudades que me assolam a todo o momento quando vejo, oiço, sinto, imagino ou relembro algo relacionado contigo. Até que hoje... lendo o blog de uma amiga, lendo o que ela escreveu, sentindo o que ela sentiu... tudo voltou...!

Maldita sejas Margarida por me relembrares o inevitável mas obrigado pelo belo texto que escreveste em que conseguiste expressar tudo aquilo que eu, e acredito, muitos mais neste mundo, sentem! Também quero chegar aos trinta e poder mandar-te embora do meu pensamento quando quiser... esquecer a tua existência nos momentos mais apropriados! Conseguir olhar para outra pessoa e imaginar que "pode" ser para sempre!... Sonhos!

Vale a pena ler, aqui!

Comentários

Mensagens populares