Uma história de vida

Milhares de africanos partem desesperados dos seus países natais para sítios onde acreditam que não irão passar fome. Isso nem sempre acontece e muitos morrem nestas travessias, como muitas notícias dos meios de comunicação relatam nos tempos actuais!

Os governos elaboram novas regras para tentar travar esta emigração desenfreada mas esquecem-se de solucionar o problema na base e não na consequência. Ou seja, se os países de onde são originários tivessem melhores condições de vida para eles e para as suas numerosas famílias, a emigração não seria algo quase imposto para sobreviver, mas sim uma opção tal como existe em todos os países minimamente desenvolvidos do mundo!

O El Pais recolheu uma história fantástica, que descobri através do Público. Vale a pena ler, aqui!

Comentários

Mensagens populares